Economia de Angola contrai-se 1,7% em 2018, INE

16 April 2019

Angola registou uma contracção de 1,7% no seu Produto Interno Bruto (PIB) relativo a 2018, informou o Instituto Nacional de Estatística (INE), ao divulgar as Contas Nacionais relativas ao quarto trimestre e à totalidade do ano transacto.

O INE acrescentou, no entanto, que aquela taxa de variação anual poderá vir a sofrer alterações, aquando da publicação dos resultados finais das Contas Nacionais.

A esmagadora maioria das actividades económicas contraiu-se em 2018, sendo as excepções, segundo o INE, a Electricidade e Água, com um crescimento homólogo de 22,3%, Construção com 0,4%, Correios e Telecomunicações com 1,8%, Intermediação financeira com 11,7%, Administração Pública com 1,2% e Serviços Imobiliários com 3,0%.

No quarto trimestre de 2018, a economia de Angola conseguiu um crescimento de 2,2%, quando comparado com o período homólogo de 2017.

As actividades que mais contribuíram para o crescimento do PIB foram a Extracção e refinação do petróleo bruto e gás natural com 33%, seguida do Construção com 14%, Comércio com 12%, Administração Pública com 9%, Agro-Pecuária e Silvicultura com 4%, Serviços Imobiliários e Aluguer com 5% e Outros Serviços com 6%. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH