Venda de sete empresas estatais em Angola atrai 20 interessados

24 April 2019

O Instituto de Gestão de Activos e Participações do Estado (Igape) de Angola conclui sexta-feira a análise às 20 propostas de compra de sete unidades industriais na Zona Económica Especial Luanda-Bengo, noticiou a imprensa angolana.

O Jornal de Angola, citando uma fonte da instituição, escreveu que as propostas, depois de analisadas, “devem seguir para licitação em concurso público que deverá ficar concluído no próximo mês de Maio.”

A fonte adiantou que ao longo do período de apresentação de propostas, encerrado dia 22 de Abril, o Igape recebeu mais de 60 manifestações de interesse de investidores tanto angolanos como estrangeiros, particularmente de Portugal e de Espanha.

“Apesar do interesse demonstrado, o IGAPE recepcionou até ao último dia apenas 20 propostas concretas”, precisou a fonte contactada pelo jornal.

Das sete empresas à venda apenas uma está em funcionamento, nunca tendo as restantes operado desde a criação da Zona Económica Especial em Outubro de 2009, embora possuam maquinaria e equipamentos, oscilando o preço de venda entre três milhões e 18 milhões de dólares.

O governo angolano pretende arrecadar pelo menos 80 milhões de dólares com a alienação destas primeiras sete empresas, de um universo de 52 unidades industriais instaladas na Zona Especial Económica Luanda-Bengo. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH