Bloco petrolífero em Angola sujeito a avaliação de potencial comercial

25 June 2019

Um protocolo de cooperação para o estudo e avaliação técnica do Bloco 34, localizado no mar da bacia do Baixo Congo, em Angola, foi segunda-feira assinado pela Agência Nacional de Petróleo, Gás e Biocombustíveis, Cabinda Gulf Oil Company Limited e Sonangol.

As partes comprometem-se ao abrigo do protocolo a avaliar conjuntamente os dados geológicos, geofísicos, petrofísicos e outros, assim como diversas informações técnicas, com vista à futura exploração deste activo pertencente ao sector petrolífero de Angola.

Paulino Jerónimo, presidente do conselho de administração da Agência Nacional de Petróleo, Gás e Biocombustíveis, sublinhou que o documento demonstra a forte parceria existente entre Angola e o grupo americano Chevron.

Disse igualmente que a assinatura do documento que envolve a antiga concessionária petrolífera Sociedade Nacional de Combustíveis de Angola representa o compromisso de trabalharem em conjunto para se conhecer melhor o potencial de exploração do país. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH