Barragem de Laúca em Angola tem cinco das seis turbinas em operação comercial

8 July 2019

A quinta turbina de produção de energia eléctrica, das seis previstas na barragem de Laúca (Malanje), entrou sexta-feira em operação comercial elevando a capacidade do empreendimento para 1670 megawatts, informou o Gabinete de Aproveitamento do Médio Kwanza.

Aquele Gabinete informou ainda em comunicado que a entrada em funcionamento da quinta turbina permitiu elevar de 1336 para 1670 megawatts a capacidade de produção de energia eléctrica, que aumentará para 2070 megwatts com a operação comercial da sexta turbina, bem como da Central Ecológica, até ao final do primeiro semestre de 2020.

A produção deste aproveitamento, acrescida das restantes centrais hidroeléctricas do Médio Cuanza (Cambambe e Capanda), dos aproveitamentos hidroeléctricos das Mabubas e do Lomaum, da central do ciclo combinado do Soyo e de algumas poucas centrais térmicas, permitiu a interligação de um total de 10 províncias.

Trata-se das províncias do Zaire, Uíge, Malanje, Bengo, Luanda, Cuanza Norte, Cuanza Sul, Huambo, Bié e Benguela, que estão interligadas na Rede Nacional de Transporte, segundo o Gabinete de Aproveitamento do Médio Cuanza.

O comunicado, assinado pelo director Fernando Barros Gonga, afirma que o aumento da capacidade de produção de energia hídrica facilitará a expansão do sistema eléctrico nacional para o sul de Angola. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH