Câmara de Comércio São Tomé e Príncipe-China lançada até final de Julho

A Câmara de Comércio São Tomé e Príncipe – China será lançada até final de Julho, disse à Macauhub o ex-ministro são-tomense Carlos Tiny, principal promotor da iniciativa.

“Além das relações Estado a Estado, o sector privado interessado na cooperação com a China, e sobretudo no quadro da iniciativa Faixa e Rota, pode e deve estruturar-se para também dinamizar esse relacionamento”, disse Tiny à Macauhub, à margem do Encontro dos Empresários para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa, que terminou terça-feira em São Tomé.

“Os governos vão e vêm, a sociedade e as comunidades ficam”, adiantou Tiny, médico e ex-ministro da Cooperação são-tomense.

O antigo ministro disse ainda que os estatutos da Câmara de Comércio estão prontos, não tendo o lançamento sido feito em paralelo ao Encontro Empresarial de São Tomé apenas por causa da “agenda muitíssimo carregada” da mesma, estando agora previsto para final do mês.

A organização irá congregar empresários são-tomense e chineses e a iniciativa foi “bem acolhida” pelo embaixador da China em São Tomé e Príncipe.

“Muitas pessoas não estão a par (da iniciativa Faixa e Rota), até porque não houve relações (diplomáticas entre São Tomé e Príncipe e China) nos últimos 20 anos”, disse Tiny. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH