PM de São Tomé e Príncipe defende investimento na educação

O investimento na educação transforma a vida das pessoas, o percurso das empresas e o destino de um país, disse quarta-feira em São Tomé o primeiro-ministro Jorge Bom Jesus no acto de inauguração do Instituto Confúcio da China na Universidade Pública de São Tomé e Príncipe.

O primeiro-ministro disse ainda que os recursos humanos são tão importantes, senão mais importantes do que os recursos naturais e materiais, tendo apresentando como exemplos dessa sua afirmação países como o Japão, a China ou mesmo as ilhas Seicheles, segundo a agência noticiosa STP Press.

Dizendo que na educação não há despesa, há sim investimento, Jorge Bom Jesus afirmou que “a educação constitui um direito fundamental previsto na nossa constituição, uma aspiração legítima do cidadão e um factor decisivo no processo de desenvolvimento.”

Além do discurso do primeiro-ministro, a cerimónia contou ainda com intervenções do embaixador da China acreditado em São Tomé e Príncipe, Wang Wei, do reitor da Universidade de Hubei, Xie Hongxing e do reitor da Universidade Pública de São Tomé e Príncipe, Peregrino Costa.

Com sede em Pequim, China, o Instituto Confúcio é uma organização educacional pública sem fins lucrativos vinculada ao Ministério da Educação da República Popular da China, cujo objectivo é promover a língua e a cultura da China e dar apoio ao ensino da língua chinesa e facilitar o intercâmbio cultural em todo o mundo através dos Institutos Confúcio associados. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH