Capital de Angola vai ter um Bairro dos Ministérios

24 July 2019

Os procedimentos de contratação pública para as empreitadas de construção do Centro Político Administrativo ou “Bairro dos Ministérios”, a ser erguido na Praia do Bispo, em Luanda, serão anunciados em breve, disse terça-feira o ministro de Estado da Coordenação Económica, Manuel Nunes Júnior.

O ministro, que presidia à cerimónia de lançamento do projecto, disse ainda que o mesmo vai ser executado com mo recurso a parcerias público-privadas, na modalidade BOT (sigla em inglês para Construir, Operar e Transferir).

O Bairro dos Ministérios terá 28 edifícios ministeriais, um edifício para o Conselho de Ministros, centro de convenções, “campus” de justiça, palácio da cultura e um espaço para a Expo-Luanda, segundo a agência noticiosa Angop.

O projecto, apresentado aos investidores nacionais e estrangeiros, inclui 37 casas protocolares de serviços de apoio institucional, bem como estacionamentos, entre outros empreendimentos.

O Bairro dos Ministérios, que vai ligar a Assembleia  Nacional e o Palácio da Presidência, comportará também áreas inteiramente dedicadas à iniciativa privada, como centros de negócios, prédios com apartamentos, hotéis, restaurantes e outros serviços, tudo reunido numa paisagem com localização privilegiada e espaços verdes.

Apresentando pelo ministro da Construção e Obras Públicas, Manuel Almeida Tavares, o projecto será executado num período de dois a três anos, em função da complexidade dos sub-projectos e período de amortização dos investimentos, de sete anos.

Ao Estado caberá a disponibilização do terreno infra-estruturado ao investidor privado, com redes de esgotos, drenagem, água, electricidade,  telecomunicações, arruamentos, parques de  estacionamento e zonas verdes, tratamento de água e estações de transformação de energia eléctrica.

Manuel Tavares anunciou estar em curso o processo de realojamento dos habitantes da área abrangida por este projecto, bem como dos trabalhos de limpeza e drenagem do canal da Chicala, restabelecendo-se a ligação com a Baía de Luanda por forma a haver circulação e oxigenação das águas.

O ministro apontou alguns modelos de organização administrativa de governação com elevada taxa de êxito em várias cidades mundiais, como Brasília (Brasil), Dubai (Emirados Árabes Unidos), Toronto (Canadá) e Miami Doha (Qatar), entre outros. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH