Reino Unido foi o maior emissor de turistas para Cabo Verde no 1.º trimestre

9 August 2019

Os turistas do Reino Unido foram os que mais demandaram Cabo Verde no primeiro trimestre de 2019, tendo sido igualmente os que mais tempo permaneceram no arquipélago com uma estadia média de 7,5 noites, informou o Instituto Nacional de Estatística (INE).

Os estabelecimentos hoteleiros de Cabo Verde receberam nos primeiros três meses do ano mais de 233,7 mil hóspedes, que deram origem a mais de 1,4 milhões de dormidas, números que representam aumentos de 8,5% e 4,5%, respectivamente, em termos homólogos.

A ilha do Sal foi a mais procurada, representando cerca de 45,3% das entradas nos estabelecimentos hoteleiros, ainda segundo os dados divulgados na Praia, seguida da ilha da Boa Vista, com 29,0% e Santiago com 10,6%.

Os hotéis continuaram a ser os estabelecimentos de alojamento mais procurados, representando 85,7% do total das entradas, a que se seguiram as pensões com 5,1%, as residenciais com cerca de 3,9% e os aldeamentos turísticos com 3,0%.

Além do Reino Unido, os outros maiores mercados emissores de turistas foram França, Países Baixos e Alemanha, responsáveis por, respectivamente, 13,3%, 12,6% e 11,5%, do total das entradas. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH