Porto de Maputo, Moçambique, adjudica dragagem de manutenção à empresa Jan de Nul Dredging

20 August 2019

A Companhia de Desenvolvimento do Porto de Maputo (MPDC) adjudicou à empresa belga Jan de Nul Dredging a primeira dragagem de manutenção do canal de acesso ao Porto de Maputo, informou a empresa em comunicado divulgado segunda-feira em Maputo.

A dragagem, a primeira a realizar-se após a de aprofundamento do canal de acesso de -11 metros para -14,3 metros, irá incidir nos canais da Matola, Catembe, Polana, Xefina e do Norte e envolverá a remoção de 1,4 milhões de metros cúbicos de sedimentos.

A MPDC informou igualmente estimar-se que a dragagem de manutenção se inicie já em Outubro e tenha uma duração total de quatro meses, tendo garantido que esta actividade não irá causar qualquer distúrbio ao decorrer normal das operações portuárias.

A Companhia de Desenvolvimento do Porto de Maputo é uma parceria entre a estatal Portos e Caminhos-de-Ferro de Moçambique (CFM) e a firma Portus Indico, composta pelos grupos Grindrod (África do Sul), DP World (Dubai) e pela empresa local Moçambique Gestores. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH