Banco Mundial abre escritório em Angola

27 September 2019

O Banco Mundial vai abrir, este ano, um escritório em Angola, uma medida destinada fundamentalmente a apoiar o sector privado do país, anunciou quarta-feira em Nova Iorque o presidente do grupo, David Malpass, no decurso de uma audiência concedida pelo Presidente João Lourenço.

O ministro das Finanças, Archer Mangueira, que divulgou a intenção manifestada pelo presidente do grupo Banco Mundial, disse ter este adiantado que o escritório vai dar prioridade às parcerias público-privadas, com realce para o sector da Energia e Águas.

Archer Mangueira, citado pela agência noticiosa Angop, adiantou que João Lourenço e David Malpass definiram, também, uma estratégia de parceria de médio prazo, que está a ser negociada com essa instituição financeira mundial, parceria que vai centrar-se no capital humano, infra-estruturas e apoio ao sector privado.

O ministro disse ainda que este encontro serviu para partilhar o conjunto de medidas que têm estado a ser tomadas para corrigir os desequilíbrios fiscal, monetário e cambial em Angola, tendo participado alguns membros da equipa económica do Governo angolano.

O Presidente João Lourenço aproveitou o encontro com o responsável do grupo Banco Mundial para solicitar a participação desse organismo financeiro internacional nos esforços do Governo para a mobilização de recursos a serem utilizados na mitigação, de forma sustentada, dos efeitos da seca nas províncias da Huíla, Cuando Cubango e Cunene.

O Banco Mundial aprovou, recentemente, um pacote de apoio financeiro para Angola no montante de 1,3 mil milhões de dólares. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH