Empresa chinesa recupera mercado nos arredores da capital de São Tomé e Príncipe

A empresa chinesa Top International vai executar as obras de recuperação do Mercado Coco-Coco, nos arredores da capital de São Tomé e Príncipe, ao abrigo de um contrato de adjudicação terça-feira assinado com a Câmara Distrital de Água-Grande, anunciou o presidente da autarquia.

José Maria da Fonseca disse que as obras iniciam-se já na próxima segunda-feira, com uma previsão de duração de doze meses, por se tratar de “intervenção de emergência tendo em conta o estado de degradação” em que se encontra a infra-estrutura.

“Vamos executar uma recuperação de fundo para dar segurança as feirantes e demais pessoas que por lá circulam”, disse o presidente da Câmara Distrital de Água-Grande, citado pela agência noticiosa STP-Press, para acrescentar que o custo destas obra ascende a 116 mil euros.

O contrato de adjudicação foi assinado por José Maria da Fonseca e pelo administrador-gerente da Top Internacional, Hu Na Quing, na presença de alguns vereadores e autarcas daquele distrito da capital de São Tomé. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH