Subsidiária do grupo chinês Sinotrans Changhang investe 30 milhões de dólares em Angola

30 December 2019

A Sinotrans Angola já investiu no país mais de 30 milhões de dólares ao longo dos últimos 11 anos, disse sexta-feira no Lobito, província de Benguela, o director-geral adjunto da subsidiária do grupo chinês Sinotrans Changhang.

Tchum Long Ning, que usava da palavra na cerimónia de entrega do primeiro lote de 60 vagões de um total de 300 encomendados à sociedade gestora do Caminho-de-Ferro de Benguela, salientou ter a empresa registado um crescimento significativo desde que foi constituída em Angola, em 2008.

O responsável chinês lembrou que a Sinotrans foi parceira do Estado angolana na construção dos centros urbanos de Kilamba e Sequele e de outros espalhados pelo país, tendo trabalhado na logística da importação e transporte dos produtos provenientes da China para executar aqueles projectos, segundo a agência noticiosa Angop.

Anunciou, por outro lado, que a cooperação de investimento entre a Sinotrans e o Caminho-de-Ferro de Benguela deverá ser elevada a um modelo de referência em termos de parceria público-privada em Angola. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH