Sistema estatístico de Cabo Verde vai ter primeira avaliação externa

10 January 2020

O sistema estatístico de Cabo Verde vai ser avaliado por parte dos pares africanos em finais de Janeiro corrente, anunciou quinta-feira na Praia o presidente do conselho de administração do Instituto Nacional de Estatística (INE), Osvaldo Borges.

O presidente do INE disse ainda que Cabo Verde nunca foi submetido a uma avaliação externa, apesar de já ter sido avaliador de vários países, tendo solicitado em 2019 ser ele próprio avaliado, segundo a agência noticiosa Inforpress.

Essa avaliação de pares africanos consistirá na análise de todo o sistema estatístico nacional, com foco na legislação, qualidade dos dados produzidos, na metodologia para a comparabilidade internacional, a difusão e a relação com os principais utilizadores.

Durante a missão, os avaliadores vão realizar várias visitas aos vários órgãos de produção, parceiros técnicos e financeiros do INE e aos principais utilizadores como as universidades e os órgãos da comunicação social, entre outros, no sentido de obterem as informações para a avaliação.

Já este mês, o governo de Cabo Verde aprovou os novos estatutos do Instituto Nacional de Estatística para adequá-los ao regime jurídico geral dos institutos públicos.

O documento publicado em Boletim Oficial informa que a necessidade de harmonizar os estatutos do INE decorreu por imposição da nova lei do Sistema Estatístico Nacional, 48/IX/2019, de 19 de Fevereiro, e do Regime Jurídico Geral dos Institutos Públicos, aprovado pela Lei no 92/VIII/2015, de 13 de Julho. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH