Angola obtém uma produção de 9,121 milhões de quilates em 2019

14 January 2020

A actividade industrial de diamantes em Angola recuperou 9,086 milhões de quilates em 2019, uma quebra de 4,8% em termos homólogos devido ao encerramento de uma mina, disse segunda-feira em Luanda o presidente da Empresa Nacional de Prospecção, Exploração, Lapidação e Comercialização de Diamantes de Angola (Endiama).

Ganga Júnior adiantou que adicionando a actividade semi-industrial a recuperação conjunta de diamantes ascendeu a 9,121 milhões de quilates, representando a actividade semi-industrial 35 856 quilates.

A actividade industrial comercializou 9,114 milhões de quilates ao preço médio de 138,58 dólares por quilate, valor que compara com 168,45 dólares por quilate verificado em 2018, de que resultou uma redução do preço médio em 7,0%.

O total global – industrial e semi-industrial – de diamantes comercializados em 2019 foi de 9,149 milhões de quilates, ainda segundo o presidente da Endiama.

As vendas registadas em 2019 atingiram 1263 milhões de dólares, representando um aumento de 10% na produção comercializada, o que resultou numa receita adicional de 34,7 milhões de dólares. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH