Empresários visitam futuro local da Refinaria do Soyo, em Angola

20 January 2020

Trinta e um representantes de diferentes empresas angolanas e estrangeiras interessados na construção da futura refinaria de petróleo no município do Soyo, província do Zaire, visitaram sexta-feira o espaço onde será erguido este projecto que prevê processar 100 mil barris de petróleo/dia, escreveu a imprensa angolana.

Os representantes aproveitaram a sua estada na cidade petrolífera do Soyo para se inteirarem igualmente do funcionamento da Central do Ciclo Combinado e do porto local, estruturas que servirão de apoio ao projecto, como o fornecimento de energia eléctrica e na descarga de equipamentos para a construção da refinaria.

O presidente da Comissão Executiva da Sonangol Refinação, Joaquim Soares Kiteculo, disse no final que a visita dos representantes faz parte das etapas do programa de concurso público que está na fase de preparação e apresentação das propostas, que em princípio serão entregues até Março próximo.

A construção da refinaria do Soyo consta de um programa que prevê também a edificação de instalações do género em Cabinda, com capacidade para 60 mil barris/dia e outra no Lobito (província de Benguela), com capacidade para 200 mil barris por dia.

O programa prevê, ainda, a recuperação e modernização da Refinaria de Luanda, que deve quadruplicar a capacidade de produção de 300 para 1200 toneladas anuais. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH