Electrificação da futura Cidade do Sal, em Angola, custa 3,75 milhões de dólares

12 February 2020

A electrificação da futura Cidade do Sal, no município de Baía-Farta, em Angola, tem um custo estimado em 3,75 milhões de dólares, informou um quadro da Empresa Nacional de Distribuição de Electricidade (ENDE).

O chefe do departamento de exploração técnica da região centro e sul da ENDE, Demo Santos, que falava durante a apresentação do projecto à ministra das Pescas e do Mar e aos produtores de sal, disse que o projecto pode ser executado num período de seis meses, caso haja disponibilidade financeira.

Neste momento, decorrem negociações entre os ministérios da Energia e o das Pescas para a execução do projecto”, referiu, adiantando que os empresários locais também estão dispostos a apoiar financeiramente.

A Cidade do Sal está a ser erguida numa área de 11 mil hectares, a cerca de 20 quilómetros a sul da sede do município da Baía Farta, segundo a agência noticiosa Angop.

Uma iniciativa do governo provincial, no âmbito do programa “Benguela costa Nova”, o projecto visa aproveitar a água do mar, o sal e centros turísticos, a construir, para torná-los em motores de desenvolvimento da economia. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH