Suspensas carreiras marítimas entre Macau e o aeroporto de Shenzhen, na China Continental

19 February 2020

O governo de Macau suspendeu a partir de hoje as carreiras marítimas entre Macau e o porto de Fuyong que serve o aeroporto de Shenzhen, na província de Guangdong.

A suspensão das carreiras com Shenzhen enquadram-se nas medidas para combater a propagação do Codiv-19 no território.

A noticia, divulgada pelos Serviços Marítimos e de Águas de Macau, indica que, no entanto, se mantêm a funcionar as carreiras marítimas entre Macau e a China Continental.

Apesar das medidas de controlo sanitário impostas pelo Governo de Macau continuam ainda a realizar-se carreiras marítimas para Shekou, em Shenzhen, e para Wanzai, no município de Zhuhai limítrofe a Macau.

Desde dia 4 de Fevereiro que estão suspensas todas as carreiras marítimas e aéreas entre Macau e a vizinha Região Administrativa de Hong Kong.

Há 15 dias que Macau não regista novos casos de doentes afectados com o Codiv -19.

Encontram-se ainda internados cinco doentes confirmados com casos ligeiros e as autoridades sanitárias admitem que alguns possam ter alta nos próximos dias.

O Centro de Coordenação e Contingência do Novo Tipo de Coronavírus (CCCNPC) voltou a alertar na terça-feira que embora não haja novos casos confirmados em Macau ”o risco de surtos na comunidade ainda existe e não está excluída a existência de caso(s) oculto(s).”

Os trabalhadores da função pública regressaram parcialmente ao trabalho no dia 17 mas as escolas, universidades, jardins, bibliotecas, cinemas e outras zonas de entretenimento continuam encerradas.

Desde o inicio da epidemia em Macau fecharam 29 hotéis.

O governo de Macau autorizou entretanto que os casinos reabram a partir de dia 20 de Fevereiro, dando oportunidade às concessionárias de o fazer gradualmente ao longo de 30 dias.

O numero de visitantes caiu entretanto mais de 80%, passando de uma média diária de cerca de 100 mil pessoas para 4300.

A província de Guangdong, onde Macau está localizado, registava hoje 1331 casos com 5 mortes, o município de Zhuhai, limítrofe a Macau, 98 casos com uma morte e a Região Administrativa Especial de Hong Kong, 62 casos com duas mortes. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH