Governo de Moçambique emite mais de 100 milhões de dólares de dívida desde Janeiro

12 March 2020

O governo de Moçambique já emitiu 7500 milhões de meticais (113 milhões de dólares) em dívida pública interna, embora o Plano Económico e Social e Orçamento de Estado para 2020 não tenham sido ainda submetidos à Assembleia da República, escreveu o jornal moçambicano A Verdade.

O jornal informou terem sido emitidas em Fevereiro Obrigações do Tesouro no montante de 4,5 mil milhões de meticais e que dia 10 de Março o governo colocou à venda, em bolsa de valores, mais três mil milhões de meticais em títulos de dívida.

“O custo da amortização do endividamento interno custou em 2019 o dobro do investimento na Educação, seis vezes mais do que foi despendido na Saúde, dez vezes mais do que foi gasto na Agricultura e Desenvolvimento Rural”, salientou a publicação.

O exercício económico de 2020 só terá início em termos formais quando o governo de Filipe Nyusi vir as suas propostas de Plano Económico e Social e Orçamento de Estado aprovadas pela Assembleia da República, documentos que incluirão o montante de endividamento público autorizado até Dezembro.

A primeira emissão de Obrigações do Tesouro teve lugar em sessão especial de bolsa realizada no dia 11 de Fevereiro, tendo sido 2000 milhões de meticais, com taxas de juro entre 11,25% e 15%.

No dia 25 de Fevereiro teve lugar a segunda emissão de Obrigações do Tesouro, de 2,5 mil milhões de meticais, tendo a procura sido de 9224 milhões de meticais e as taxas de juro situado-se entre 10,0% e 14,0%. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH