Jogo em Macau regista quebra de 60% na receita no primeiro trimestre de 2020

17 April 2020

A receita bruta de todos os tipos de jogos em Macau cifrou-se em 30 635 milhões de patacas (3829 milhões de dólares), uma quebra de 60% comparativamente aos 76 371 milhões de patacas contabilizados no período homólogo de 2019, informou a Direcção de Inspecção e Coordenação de Jogos.

A receita bruta dos jogos de fortuna e azar ou em casino representou 99,5% do total com 30 486 milhões de patacas, sendo a diferença para o total relativa à obtida com corridas de cavalos, lotarias chinesas e instantâneas e lotaria desportivas com apostas em jogos de futebol e basquetebol.

O jogo em casino concentrou-se no bacará VIP e de massas, com receitas de 14 809 milhões e 12 151 milhões de patacas, respectivamente, seguido das máquinas de jogos com 1550 milhões de patacas e do “cussec” com 800 milhões de patacas.

De salientar que a receita bruta do bacará de massas aproximou-se da do bacará VIP, quando comparada com os valores registados um ano antes – 37 208 milhões e 29 879 milhões de patacas, respectivamente.

Macau dispunha de 41 casinos no final do primeiro trimestre de 2020, dois dos quais suspensos provisoriamente, sendo 22 da Sociedade de Jogos de Macau, seis da Galaxy Casino, cinco da Venetian Macau, dois da Wynn Resorts (Macau), quatro da Melco Crown (Macau) e dois da MGM Grand Paradise, com 6739 mesas e 17 009 máquinas de jogos. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH