Moçambique irá gerir com transparência recursos para combate ao Covid-19, garante ministro

20 April 2020

Os recursos financeiros destinados a combater a pandemia de Covid-19 serão geridos com transparência, garantiu o ministro da Economia e Finanças de Moçambique que, perante os membros da Assembleia Nacional, anunciou a abertura de uma conta especial para o depósito das verbas.

O ministro falou sobre o Plano Nacional de Prevenção da Pandemia de Covid-19, ao responder a perguntas dos deputados sobre a matéria, durante o debate do Plano Económico e Social (PES) e do Orçamento do Estado de 2020.

Adriano Maleiane disse que a criação de uma conta especial para a canalização dos recursos destinados à luta contra o novo vírus corona foi da iniciativa dos parceiros internacionais, indo a mesma ser gerida pelo Ministério da Saúde, seguindo critérios de transparência,

Nesse sentido, todos os actos inerentes aos gastos no quadro do combate ao Covid-19 serão publicitados, para permitir o escrutínio social e da comunidade internacional.

O Plano Nacional de Prevenção da Pandemia de Covid-19 está orçado em cerca de 50 milhões de dólares, sendo que o capítulo sobre compra de material e equipamento ronda 30 milhões de dólares.

A diferença inclui custos ligados a transportes, serviços adicionais e pessoal, estando previsto o recrutamento de 1700 novos quadros da área da saúde.

O ministro da Economia e Finanças afirmou quarta-feira no parlamento que os 15 milhões de dólares de dívida perdoada pelo Fundo Monetário Internacional serão entregues ao Ministério da Saúde para a luta contra a pandemia de Covid-19. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH