Ministro de Estado de Angola reforça necessidade de aumento da produção nacional

21 April 2020

Os ministérios da Indústria e Comércio e o da Agricultura e Pescas terão grande responsabilidade na revitalização da base produtiva, com vista ao relançamento do crescimento económico de Angola, disse segunda-feira em Luanda o ministro de Estado para a Coordenação Económica.

Manuel Nunes Júnior, ao falar na cerimónia de passagem de pastas dos ministros cessantes da Indústria e do Comércio, sustentou que o aumento da produção nacional proporcionará, também, o aumento de empregos no país, constituindo-se, por isso, um imperativo nacional.

O ministro de Estado salientou que após a mais recente alteração na estrutura orgânica do governo, a actividade produtiva de Angola ficou praticamente concentrada em dois ministérios, o da Indústria e Comércio e o da Agricultura e Pescas.

O ministro de Estado defendeu a necessidade de trabalho com empresários para que em relação aos 54 produtos seleccionados pelo Programa de Apoio à Produção, Diversificação das Exportações e Substituição das Importações (Prodesi), em particular os do cabaz básico, se atinja a auto-suficiência no que respeita ao consumo interno.

A cerimónia de assinatura de passagem de pastas ocorreu entre o ministro da Indústria e Comércio, Victor Fernandes e a ministra cessante da Indústria, Bernarda Martins e depois com o ministro cessante do Comércio, Jofre Van-Dúnem Júnior. (Macauhub)

MACAUHUB FRENCH