Bancos de Macau espreitam oportunidades nos países lusófonos

A Associação de Bancos de Macau (ABM) assinou na quarta-feira um protocolo de cooperação que lhe permitirá usar um sistema de tradução automática chinês-português desenvolvido pelo Instituto Politécnico de Macau (IPM).

Segundo um comunicado do IPM, o Presidente da ABM, Ip Sio Kai, explicou que o objectivo é aproveitar o sistema para criar mais oportunidade de cooperação financeira com os Países de Língua Portuguesa.

O responsável defendeu que o desenvolvimento da Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau irá tornar o intercâmbio financeiro entre Macau e os mercados lusófonos mais frequente.

Também na quarta-feira, as duas instituições assinaram um outro protocolo que prevê que a ABM ofereça bolsas de estudo a estudantes do IPM para promover a formação de jovens talentos que reforcem o papel de Macau como plataforma sino-lusófona.

O Presidente do IPM, Marcus Im Sio Kei, disse que as bolsas serão “um forte incentivo” para que os melhores alunos locais se dediquem ao estudo da tradução automática entre as línguas chinesa, portuguesa e inglesa.

(Fonte) Secretariado Permanente do Fórum para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa:
https://www.forumchinaplp.org.mo/macao-banks-to-use-mpi-automatic-translation-system/?lang=pt

MACAUHUB FRENCH