Projecto angolano de terras raras listado em Londres

9 July 2020

A Pensana Rare Earths Plc, que detém a concessão do projecto de terras raras de Longonjo, na província angolana do Huambo, anunciou na segunda-feira que foi listada no mercado principal da Bolsa de Valores de Londres.

Num comunicado, a empresa australiana de exploração mineira sublinha que todo o seu capital público – quase 188,3 milhões de acções – está disponível, após o prospecto ter sido publicado a 1 de Julho.

No prospecto, a Pensana sublinha que uma “grande proporção” dos seus clientes estará na China, onde a procura por terras raras está a aumentar, com o país asiático a prever a instalação de projectos eólicos com uma capacidade total de 250 gigawatts até 2040.

O documento refere que o Governo chinês está a encorajar a importação de terras raras através da isenção de imposto de importação e outros benefícios fiscais.

No comunicado, o Presidente da Pensana, Paul Atherly, diz que o projecto de Longonjo foi aprovado pelo Presidente angolano, João Lourenço, e obteve financiamento do Fundo Soberano de Angola.

(Fonte) Secretariado Permanente do Fórum para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa:
https://www.forumchinaplp.org.mo/prospective-seller-of-rare-earths-to-china-listed-in-london/?lang=pt

MACAUHUB FRENCH