Cosmética brasileira espreita expansão na China

21 August 2020

O Presidente Executivo da Natura & Co. Holding SA, Roberto de Oliveira Marques, diz que a empresa brasileira de cosméticos quer aumentar a sua presença na China após adquirir a rival Avon Products Inc no início do ano, referiu a Bloomberg.

Numa entrevista à agência noticiosa financeira publicada na terça-feira, o responsável disse que a China é “um mercado com grande potencial e uma oportunidade real para o grupo” sediado em São Paulo.

A Natura, conhecida por oferecer cosméticos de origem natural e fabricados de forma ética, está em negociações com autoridades em Xangai para evitar testes em animais, um requisito exigido pelas autoridades chinesas para alguns produtos.

O grupo brasileiro vende actualmente produtos das marcas Body Shop e Aesop na China Interior, através da plataforma Tmall, detida pela gigante chinês do comércio electrónico Alibaba Group Holding Ltd.

(Fonte) Secretariado Permanente do Fórum para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa:
https://www.forumchinaplp.org.mo/brazilian-cosmetics-maker-natura-aims-to-expand-in-china/?lang=pt

MACAUHUB FRENCH