Moçambique quer retomar obras de novo aeroporto

26 August 2020

Moçambique está a fazer diligências para permitir a entrada de especialistas chineses, essenciais para o retomar das obras do aeroporto de Chongoene, na província de Gaza, no sul do país.

De acordo com a Rádio Moçambique, a garantia foi dada na sexta-feira pelo Director dos Serviços de Infra-estruturas de Gaza, Alberto Matusse.

O encerramento das fronteiras aéreas de Moçambique devido à pandemia da Covid-19 tem condicionado a viagem dos técnicos chineses, disse o responsável à rádio estatal moçambicana.

A construção do aeroporto está avaliada em US$75 milhões e é financiada pela China, refere a notícia.

Segundo a Lusa, Alberto Matusse disse que as obras dos edifícios do aeroporto e de vedação do perímetro são as mais avançadas, com 60 por cento dos trabalhos já concluídos.

O aeroporto terá uma área total de cerca de nove mil metros quadrados, incluindo uma pista de aterragem com uma extensão de 1.800 metros, refere a agência noticiosa portuguesa.

(Fonte) Secretariado Permanente do Fórum para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa:
https://www.forumchinaplp.org.mo/mozambique-trying-to-re-start-work-on-chinese-funded-airport/?lang=pt

MACAUHUB FRENCH