Portugueses apresentaram mais de 40 pedidos de patentes na China em 2019

10 September 2020

Instituições portuguesas apresentaram mais de 40 pedidos de patentes na China no ano passado, segundo dados oficiais da Organização Mundial da Propriedade Industrial (WIPO, na sigla inglesa).

Os dados, citados pelo “Barómetro Patentes Made in Portugal 2020”, revelam que só a empresa Novadelta – Comércio e Indústria de Cafés, Lda apresentou 18 pedidos junto da Administração Nacional da Propriedade Intelectual da China (CNIPA, na sigla inglesa).

De acordo com o relatório da consultoria de propriedade intelectual Inventa International, o segundo lugar pertence à Universidade do Porto, com sete pedidos de protecção de propriedade intelectual submetidos na China.

O relatório, citado pelo diário português Jornal Económico, inclui ainda três pedidos de patente apresentados junto da CNIPA pelo Laboratório Ibérico Internacional de Nanotecnologia.

O laboratório, sediado na cidade de Braga, no norte de Portugal, lançou em 2018 um centro em parceria com o Hong Kong Applied Science and Technology Research Institute.

(Fonte) Secretariado Permanente do Fórum para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa:
https://www.forumchinaplp.org.mo/portuguese-investors-apply-for-over-40-patents-in-china-in-2019/?lang=pt

MACAUHUB FRENCH