Influência chinesa ajuda aplicação brasileira de tecnologia financeira

6 November 2020

Bruno Chan, Co-Fundador e Director-Executivo da CrediGo, diz que a ‘start-up’ brasileira de tecnologia financeira foi muito influenciada pelo “avançado” nível de utilização e desenvolvimento de tecnologia móvel na China.

O brasileiro de descendência chinesa disse numa entrevista que usou a experiência de estudar na Universidade Tsinghua, em Pequim, para lançar uma aplicação para telemóveis que promove a inclusão financeira no Brasil.

Foi enquanto frequentou o Tsinghua Global MBA Programme, um mestrado em gestão, entre 2016 e 2018, que Bruno Chan conheceu o empreendedor chinês Stone Zheng, que mais tarde se tornou Co-Fundador e Presidente da CrediGo.

A CrediGo foi mais tarde convidada para se juntar à versão chinesa do acelerador norte-americano de empresas Y Combinator, onde foi uma das 22 finalistas entre 1,700 ‘start-ups’, refere a MBA China.

A CrediGo tem actualmente mais de 250 mil utilizadores e espera chegar aos três milhões até ao final do ano, refere o portal chinês.

(Fonte) Secretariado Permanente do Fórum para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa:
https://www.forumchinaplp.org.mo/pt/influencia-chinesa-ajuda-aplicacao-brasileira-de-tecnologia-financeira/

MACAUHUB FRENCH