Realização da 3.ª Reunião de Cooperação Fujian – Macau Aprofundamento da cooperação bilateral em diversas áreas

A 3.ª Reunião de Cooperação Fujian – Macau teve lugar  dia 15 em Macau, na qual o Secretário para a Economia e Finanças, Lei Wai Nong, e a Vice-Governadora da Província de Fujian, Guo Ningning admitiram que ambas as partes irão aprofundar o intercâmbio e a cooperação em diversas áreas, nomeadamente, economia e comércio, convenções e exposições, cultura e turismo, finanças, indústria de medicina tradicional chinesa e educação juvenil. As duas partes irão aproveitar as suas próprias vantagens para participar e contribuir, em conjunto, no desenvolvimento da iniciativa nacional “Uma Faixa, Uma Rota”, explorando, juntamente, o mercado dos países lusófonos através do papel de Macau como plataforma sino-lusófona.

Na reunião, foram celebrados, pelas duas partes, o “Acordo para Impulsionamento da Cooperação Fujian-Macau na Área da Cultura e do Turismo entre o Departamento da Cultura e Turismo da Província de Fujian e o Instituto Cultural e a Direcção dos Serviços de Turismo do Governo da Região Administrativa Especial de Macau”, o “Acordo para Aprofundamento da Cooperação na Indústria de Convenções e Exposições entre Fujian e Macau” e o “Acordo de Cooperação sobre a Promoção Conjunta de Estágio e Formação de Jovens de Macau na Província de Fujian”.

Lei Wai Nong mencionou, na reunião, que, Macau possui vantagens como “Um País, Dois Sistemas”, um elevado número de chineses ultramarinos que regressaram à pátria e um relacionamento estreito com países lusófonos e do sudeste asiático, enquanto Fujian possui uma vantagem industrial. Através do mecanismo de reunião de cooperação Fujian – Macau, as partes promoverão um desenvolvimento mais eficiente da cooperação entre as partes, no sentido de impulsionar, de forma pragmática, o aprofundamento da cooperação entre Fujian e Macau.

Relativamente às convenções e exposições, Lei Wai Nong propôs que ambas as partes podem aproveitar melhor as actividades de convenções e exposições de referência, para criar mais condições de investimento bilateral e oportunidades de negócio para as empresas de Fujian e Macau explorarem os mercados incluídos na iniciativa “Uma Faixa, Uma Rota”. Os departamentos de ambas as partes irão reforçar os contactos e a colaboração, conhecer melhor as necessidades das empresas e dos mercados e conhecer atempadamente a eficácia da participação das empresas nas convenções e exposições, no intuito de proporcionar uma melhor assistência e um melhor serviço para o desenvolvimento conjunto entre as empresas de Fujian e Macau.

No que concerne à promoção da cooperação financeira entre Fujian e Macau, espera-se que Fujian possa incentivar e recomendar empresas e instituições qualificadas para proceder à emissão de obrigações e ao financiamento em Macau, o que poderá contribuir para o desenvolvimento do mercado de obrigações de Macau e, também, aproveitar, da melhor forma, a funcionalidade de financiamento directo do mesmo mercado, fornecendo apoio financeiro ao desenvolvimento da economia da província de Fujian e aos projectos de cooperação relativos ao aprofundamento na participação na iniciativa “Uma Faixa, Uma Rota”. No futuro, ambas as partes poderão promover o desenvolvimento de cooperações entre os sectores financeiros das duas partes, destacadamente, nas áreas de tecnologia financeira e finanças transfronteiriças.

Lei Wai Nong indicou que a legislação do regime de inscrição e gestão de medicamentos tradicionais chineses é uma ocasião fundamental para o desenvolvimento da indústria de medicina tradicional chinesa de Macau. Macau incentiva o reforço da cooperação entre as instituições de estudos científicos das duas partes, explorando as vantagens de inovação, pesquisa e desenvolvimento do Laboratório de Referência do Estado para Investigação de Qualidade em Medicina Chinesa de Macau e as vantagens da plataforma do Parque Científico e Industrial de Medicina Tradicional Chinesa Guangdong – Macau, em combinação com os recursos abundantes de medicina tradicional chinesa da Província de Fujian, a fim de promover a industrialização das ciências e tecnologia sobre a medicina tradicional chinesa de Fujian e Macau.
(Gabinete do Secretário para a Economia e Finanças)

Gabinete de Comunicação Social:
https://news.gov.mo/detail/pt/N20LOwCuyF?1

MACAUHUB FRENCH