Macau quer ajudar Shenzhen a exportar medicina tradicional chinesa para mercados lusófonos

O Chefe do Executivo de Macau, Ho Iat Seng, acredita que em Shenzhen há muitas empresas que podem aproveitar o papel de plataforma que Macau desempenha para explorar os mercados dos Países de Língua Portuguesa.

Segundo um comunicado divulgado na segunda-feira pelo Governo de Macau, o Chefe do Executivo disse estar empenhado em encorajar o registo de produtos da medicina tradicional chinesa, que poderão depois ser vendidos na Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau e mais além.

Ho Iat Seng falava num encontro com o Secretário do Comité do Partido Comunista de Shenzhen, Wang Weizhong.

Shenzhen quer aproveitar o papel de Macau como plataforma comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa para incrementar o intercâmbio e a integração com os mercados lusófonos, disse Wang Weizhong, citado no comunicado.

Ho Iat Seng realizou uma visita de quatro dias a algumas das cidades da província de Guangdong que se inserem na Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau, incluindo Shenzhen.

(Fonte) Secretariado Permanente do Fórum para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa:
https://www.forumchinaplp.org.mo/pt/macau-quer-ajudar-shenzhen-a-exportar-medicina-tradicional-chinesa-para-mercados-lusofonos/

MACAUHUB FRENCH