Plano de plantação urbana de árvores de arruamento de Macau no ano de 2021

4 May 2021

Com o objectivo de elevar a qualidade da arborização urbana, o Instituto para os Assuntos Municipais (IAM) planeou, durante os anos de 2020 e 2021, plantar cerca de cinco mil árvores nas faixas verdes e passeios de artérias principais de todas as zonas de Macau. Até agora, já foram plantadas quase quatro mil árvores. Deu-se prioridade à selecção de espécies arbóreas com melhor resistência ao vento e à seca e oriundas das regiões do Sul da China, as quais foram plantadas a partir dos seus rebentos, com vista a um desenvolvimento mais equilibrado das suas raízes e copas.

Para além da realização da fotossíntese, absorção de dióxido de carbono, emissão de oxigénio, bem como redução do efeito estufa, as árvores dispõem ainda de capacidade de captação de material particulado, purificam o ar e resistem ao vento. Por isso, a plantação de árvores tem um impacto positivo no ambiente ecológico e até na vida humana.

O presente plano de plantação urbana de árvores de arruamento foi efectuado em dois anos. A partir de Maio de 2020, foi iniciada esta tarefa e foram plantadas, no total, 1849 árvores, no ano passado. Os locais de plantação abrangidos foram: a Avenida Dr. Sun Yat-Sen, a Avenida da Ponte da Amizade, a Avenida da Amizade e a Avenida Doutor Stanley Ho, na Península de Macau; bem como a Estrada de Pac On, a Avenida do Oceano, a Avenida Wai Long e a Avenida de Kwong Tung, na Taipa.

A plantação de árvores continua a decorrer no corrente ano e o alvo de plantação deste ano é de 3200 árvores. Até Março do corrente ano, o IAM já plantou um total de 2118 árvores, tendo os locais de plantação incluído a Rua do Comandante João Belo, a Avenida Marginal do Lam Mau e a Rua do Almirante Sérgio, na Península de Macau; a Avenida Cidade Nova, a Avenida dos Jogos da Ásia Oriental, a Avenida Marginal Flor de Lótus e a Estrada da Ponta da Cabrita, na Taipa; a Estrada do Istmo e a Estrada de Seac Pai Van, em Coloane. O IAM também reservou locais para a plantação das restantes árvores e efectuou os trabalhos de aprovisionamento, prevendo-se a conclusão da plantação de todas as árvores no terceiro trimestre. Após a conclusão do referido plano de plantação, o IAM ainda irá procurar, de forma continuada, espaços apropriados para realizar a plantação de árvores, a fim de elevar a arborização urbana.

Na selecção das espécies, é prioritária a selecção de espécies oriundas das regiões do Sul da China com clima semelhante ao de Macau, como, por exemplo, lagerestrémia, Terminalia mantaly, estercúlia, Crateva unilocularisBischofia javanicaOrmosia pinnata e Xanthostemon chrysanthus. Além de servirem para efeitos de apreciação, como pelas suas folhas, flores e frutos, as referidas espécies também possuem capacidade de resistência ao vento e à seca, e serão plantadas a partir dos seus rebentos, com vista a um desenvolvimento mais equilibrado das suas raízes e copas, reforçando-se, assim, a capacidade de resistência ao vento de todos as partes da árvore.
(Instituto para os Assuntos Municipais)

Gabinete de Comunicação Social:
https://www.gcs.gov.mo/detail/pt/N21DdNaDUL?5

MACAUHUB FRENCH