Estatísticas monetárias e financeiras de Macau – Julho 2021

6 September 2021

De acordo com as estatísticas publicadas hoje pela AMCM, a massa monetária continuou a descer em Julho, e a quota da pataca permaneceu relativamente estável. Por enquanto, os depósitos de residentes diminuíram relativamente ao mês anterior mas os empréstimos de residentes aumentaram.

Massa monetária

Quando comparado com o mês anterior, a circulação monetária cresceu 0,6%, mas os depósitos à ordem decresceram 0,3%. M1, assim, decresceu ligeiramente 0,1%, relativamente ao mês anterior. Por enquanto, as responsabilidades quase monetárias decresceram 0,8%. A soma destes dois elementos, ou seja, M2, decresceu 0,7% relativamente ao mês anterior, tendo atingido MOP690,2 mil milhões. Quando comparado com o período homólogo de 2020, M1 e M2 decresceram 0,7% e 2,6%, respectivamente. A proporção da pataca (MOP), dos dólares de Hong Kong (HKD), dos renminbi (RMB) e dos dólares dos Estados Unidos (USD) registou o “peso” de 35,1%, 49,9%, 5,8% e 7,5%, respectivamente, em M2.

Depósitos

Os depósitos de residentes decresceram 0,7% em comparação com o mês anterior, tendo atingido MOP670,8 mil milhões. Os depósitos de não-residentes cresceram 1,6%, tendo atingido MOP365,8 mil milhões. Por outro lado, os depósitos do sector público na actividade bancária decresceram para MOP265,1 mil milhões, representando um decrescimento de 0,6%. Como resultado, o total dos depósitos da actividade bancária registou um decrescimento ligeiro de 0,1% quando comparado com o mês anterior, tendo atingido MOP1.301,7 mil milhões. A proporção da MOP, dos HKD, dos RMB e dos USD nos depósitos foi de 19,0%, 51,9%, 5,0% e 21,5%, respectivamente.

Empréstimos

Os empréstimos internos ao sector privado cresceram 0,7% em relação ao mês anterior, tendo atingido MOP557,7 mil milhões. Por outro lado, os empréstimos ao exterior decresceram 6,3%, tendo atingido MOP745,8 mil milhões. Como resultado, os empréstimos ao sector privado decresceram 3,5% em relação ao mês anterior, tendo atingido MOP1.303,5 mil milhões, enquanto em MOP, HKD, RMB e USD, tendo “os pesos” sido alcançados 15,7%, 38,1%, 13,2% e 29,2%, respectivamente.

Rácios de resultados

No final de Julho, o rácio empréstimos/depósitos de residentes cresceu do nível de 58,8% registado no final de Junho para o nível de 59,6%, o volume que incluiu o rácio empréstimos/depósitos de não-residentes decresceu do nível de 103,7% para o nível de 100,1%. Os activos correntes a calcular com base nos períodos de um mês e três meses contra os passivos situaram-se em 63,5% e 56,5%, respectivamente. Além disso, o rácio de crédito vencido cresceu do nível de 0,34% registado no final de Junho para o nível de 0,36%.
(Autoridade Monetária de Macau)

Gabinete de Comunicação Social:
https://www.gcs.gov.mo/detail/pt/N21ICP80ri?9

MACAUHUB FRENCH